Live ATC SBMG!



Copyright © 2009-2014 todos os direitos reservados
Proibida a reprodução total ou parcial.
NOTICE Unauthorized linking and use of audio feeds is prohibited. See LiveATC.net Terms of Service 

quarta-feira, 2 de março de 2011

TRAGÉDIA COM O LEARJET DOS MAMONAS ASSASSINAS COMPLETA 15 ANOS!

JÁ FAZ 15 ANOS QUE O LEARJET 25 QUE TRANSPORTAVA O GRUPO MAMONAS ASSASSINAS CHOCOU-SE  NA SERRA DA CANTAREIRA.
NESSES ANOS MUITO SE FALOU SOBRE O ACIDENTE, ALGUNS JORNAIS CHEGARAM AO ABSURDO DE PUBLICAR QUE  DINHO O VOCALISTA ESTAVA NOS COMANDOS DO JATO, SENDO ESSA A CAUSA DO ACIDENTE MAS SEM NENHUMA BASE.

SEGUE ABAIXO UM TRECHO DO RELATÓRIO FEITO PELO CENIPA:
  • Histórico do Acidente 
O PT-LSD era uma aeronave Lear Jet, modelo LR-25D, operada pela Madri Táxi Aéreo Ltda., que havia sido fretada com a finalidade de efetuar o transporte de um grupo musical. No dia 01 de Março de 1996, transportou esse grupo de Caxias do Sul para Piracicaba, onde chegou às 15:45hs. No dia 02 de Março, com a mesma tripulação e sete passageiros, decolou de Piracicaba, às 07:10hs, com destino à Guarulhos, onde pousou às 07:36hs. A tripulação permaneceu nas instalações do aeroporto, onde, às 11:02hs, apresentou um plano de vôo para Brasília, estimando decolagem às 15:00hs.

Após duas mensagens de atraso, decolaram às 16:41hs. O Pouso em Brasília deu-se às 17:52hs.

A decolagem de Brasília para Guarulhos ocorreu às 21:58hs. O vôo no FL 410 (nível 41.000 pés - 12.300m), transcorreu sem anormalidades. Na descida, cruzando o FL 230 (23.000 pés - 6.900m), o PT-LSD chamou o Controle São Paulo (APP-SP), passando a receber vetoração radar (orientações do APP SP) para aproximação final do procedimento de descida Charlie 2, ILS da pista 09R do Aeroporto de Guarulhos (SBGR). Sem estabilizar na aproximação final, a aeronave prosseguiu até atingir um ponto desviado lateralmente para a esquerda da pista, com velocidade de 205Kt (aproximadamente 380Km/h) e a 800 pés (240 m) acima do terreno, quando iniciou a arremetida.

A arremetida foi executada em contato com a Torre, tendo a aeronave informado que estava em condições visuais e em curva pela esquerda, para interceptar a perna do vento. A Torre orientou a aeronave para informar ingressando na perna do vento no setor Sul.

No setor Norte de SBGR, a aeronave confirmou à Torre estar em condições visuais.

Após algumas chamadas da Torre, a aeronave respondeu e foi orientada a retornar ao contato com o APP SP para separação de seu tráfego VFR (Regras de Vôo Visuais) com outros dois tráfegos IFR (Regras de Vôo por Instrumentos). Voando em condições visuais, o PT-LSD foi orientado a permanecer na proa em que se encontrava. Às 23:16hs, o PT-LSD chocou-se com obstáculos a 3.300 pés, no ponto de coordenadas 23º25'S/046º35'W. Em conseqüência do impacto, a aeronave foi destruida e todos os ocupantes morreram no local.
LEARJET 25D SEMELHANTE AO DO ACIDENTE

9 comentários:

  1. Só uma correçao, o controle apos informado da arremetida do PTLSD reportou ao piloto, que realizasse uma curva a direita, mas o piloto nao copiou e fez uma curva a esquerda. Após perceber que a aeronave foi para a esquerda o controle chamou mais tres vezes a aeronave e pediu um auxilio a um aviao da VARIG que estava em espera para que reportasse se estava avistando a aeronave, e foi informada de uma fumaça preta e indicios de incendio...

    Uma curiosidade, todas as fotos do aviao PT-LSD nao se encontram mais, foram destruidas, a indicios tb que a empresa que arrendou a aeronave ao grupo, seria uma empresa fantasma, que funcionava sob lavagem de dinheiro.

    ResponderExcluir
  2. É PEDRO, REALMENTE NÃO ENCONTREI FOTOS E REGISTROS DO LSD, VLW PELA OBSERVAÇÃO, MAS COMO EU DISSE É UM TRECHO DO RELATORIO DO CENIPA O RELATORIO NA INTEGRA É MUITO EXTENSO, DEIXEI APENAS O PONTO FUNDAMENTAL!

    UM ABRAÇO!!!

    ResponderExcluir
  3. pow cara foi uma encrivel perda para o mundo inteiro mas fazer o k so lamentar e saber ki eles marcaram para sempre as nossas vidas

    ResponderExcluir
  4. maonas assassinos fiseram o maior sucesso do mundo. sou muito fã saudadessss.

    ResponderExcluir
  5. O piloto tinha poucas horas de vôo, portanto mto inexperiente para conduzir um learjet e deu no que deu, nessa grande fatalidade! Lamentável...

    ResponderExcluir
  6. so uma coorecao a aeronave nao era o PT-LSD ( learjet 25)
    era um CESSNA CITATION I como voce pode ver no video em que eles brincam sobre o aviao.
    o PT-LSD tmb se acidento mais foi apos a decolagem por causa de uma falha no balanceamento de combustivel
    espero ter ajudado.
    flw :)

    ResponderExcluir
  7. olá lucas!
    realmente foi o learjet! tem laudos e tudo mais.....
    O citation I que vc se referiu foi um que tbm deu problemas e foi em 1995!
    o learjet que caiu por balanceamento foi em 2007 segue um link : https://www.youtube.com/watch?v=mMkHhVOA_28!

    ResponderExcluir
  8. O jatinho que eles fazem a brincadeira (MTV na estrada) não é o mesmo do acidente. O Gugu na época mostrou o jato do acidente, pq ele já havia andado no mesmo. Inclusive os desenhos das laterais são diferentes.

    ResponderExcluir
  9. Sempre quis saber a real dimensões do acidente é qual foram de fato as causas da morte e como o aparelho foi fazer aquela clareira na mata nenhum dos responsáveis fizeram uma simulação util que ve é só o avião esplodindo diferente da simulação com o vôo da chapecoense eu sempre quis saber porque ficaram tão irreconhecível todos tiveram seus corpos multilados alguns tiveram seus corpos decepados destroçados o Dinho teve suas pernas arrancadas braços e pernas quebrados pescoço quebrado
    o baterista Sérgio reoli teve seu corpo totalmente multilado sua perna foi dilacerado sua fibula tíbia descarnadas aparecendo os ossos teve afundamento do crânio corpo inteiro quebrado seu irmão baixista Samuel Reoli foi o que menos se machucou mas provavelmente morreu devido a desaceleração ou traumatismo craniano ,o tecladista Julio raseck teve sua cabeça decepada braços quebrados o guitarrista Bento hinoto teve a barriga decepada eu nunca tive oportunidade de conversar com um piloto para perguntar para alguém com experiência

    ResponderExcluir